Categoria: Serviços de Música

Radar   Serviços de Música

Substituindo o antigo Google Play Music, repaginado e com novo nome,o YouTube Music começou a operar no Brasil. O serviço oferece música on-demand e também inclui vídeo clips. A assinatura do pacote premium é de R$ 16,90.           Fonte: YouTube Music

Quando o Spotify lançou o seu serviço de streaming de música em vários países europeus em 7 de outubro de 2008, poucas pessoas teriam pensado que essa obscura startup baseada em Estocolmo se tornaria a plataforma de música mais popular do mundo nos próximos 10 anos. Antes do lançamento do…

Os serviços de música online fecharam o primeiro semestre deste ano com uma base global de 229,5 milhões de assinantes. Comparado com o mesmo período do ano anterior, houve um crescimento de 38%. Os três maiores serviços de música no mundo apresentaram as seguintes evoluções em suas bases: 1- Spotify…

  O Tidal, serviço de música online com a proposta de oferecer streaming com qualidade de áudio superior, fechou um acordo de parceria com a Vivo. Todos os clientes móveis da Vivo no Brasil receberão ofertas de assinatura dos planos semanal e mensal do Tidal. A assinatura será de R$…

  A SiriusXM, empresa que opera um serviço de rádio por assinatura por satélite nos EUA, está comprando o restante das ações do Pandora, serviço de música online. A transação está avaliada em cerca de US$ 3,5 bilhões. A SiriusXM já havia investido US$ 480 milhões no Pandora em junho…

  De acordo com informações do Digital Music News, o Apple Music ultrapassou o número de assinantes pagos do Spotify nos EUA. A fonte da informação teria sido uma grande distribuidora dos Estados Unidos que compartilhou um relatório confidencial detalhando os dados dos assinantes de vários serviços de streaming de…

A base de assinantes do Spotify continua crescendo. No final do primeiro trimestre de 2018, a empresa tinha 170 milhões de usuários ativos mensais (MAU – Monthly Active Users). Destes, 75 milhões eram assinantes premium, ou seja, mais de 4 em cada 10 usuários estavam realmente pagando pelo serviço. Em…

Atrás do rádio AM/FM (47%), o smartphone (23%) é o segundo dispositivo mais usado pelos americanos para o consumo de conteúdo de áudio. No smartphone, as fontes de conteúdo de áudio mais usadas são o streaming (39%) e os arquivos de música armazenados no aparelho (33%). Seguem outras fontes como…

A pesquisa Share Of Ear é realizada trimestralmente pela Edison Research no mercado americano. Na edição do primeiro trimestre deste ano, cerca de 5.000 pessoas registraram durante 24 horas fatos sobre o seu consumo de conteúdo de áudio. A pesquisa mostrou que a programação de rádio, seja ela recebida pelo…

O rádio AM/FM ainda é a fonte usada com mais frequência no carro, porém, junto com o CD e os pendrives de música, vêm perdendo espaço para outras fontes nos últimos anos. O rádio online e os podcasts são os que mais ganham share nesta disputa. O rádio por assinatura,…

error: