Radar

Radar   Podcasting   

 

O estudo Podcast Consumer 2019, realizado no mercado americano, investigou os pontos fortes e fracos da audiência de podcasts na perspectiva dos ouvintes.

Dentre os entrevistados que disseram ouvir ao menos um episódio por mês, a pesquisa investigou os pontos positivos e negativos que eles percebiam nos podcasts através de três questionamentos: (1) as razões para ouvir, (2) o que eles achavam bom no hábito de ouvir e (3) o que poderia motivá-los a ouvir mais. Os primeiros três gráficos abaixo mostram os resultados obtidos pela pesquisa.

Em resumo, poderíamos destacar que:

  1. aumentar o repertório de conhecimento e entretenimento são as razões mais importantes que levam o usuário a ouvir podcasts;
  2. dentre as principais razões para gostar de podcasts está a conveniência na forma de consumir, seja pela possibilidade de realizar tarefas simultaneamente, seja pela portabilidade do podcast entre plataformas ou pela sua característica on-demand, anytime e anywhere;
  3. novos podcasts com temas interessantes e comunicadores conhecidos poderiam motivar estes ouvintes a consumir, mas, além da dificuldade natural de se precisar reservar mais tempo para isto, os entrevistados apontam também dificuldades no processo de descobrir, acessar e baixar estes podcasts.

 

 

 

 

Sob outro ângulo, a pesquisa também investigou porque alguns entrevistados nunca haviam se interessado em ouvir podcasts, mesmo sabendo da existência deles. O gráfico abaixo mostra a frequência de cada motivo apontado.

Importante notar que 3 em cada 4 destes não-ouvintes de podcasts simplesmente descartavam a hipótese de ouvir com o argumento de que “não são para mim”. Outros argumentos citados com maior frequência foram a falta de tempo e a preferência por outros tipos de mídia como forma de acesso aos mesmos tipos de conteúdo tratados nos podcasts.

 

 

Fonte: The Podcast Consumer 2019 / Edison Research

Compartilhar

Enviar um comentário

error: